Compreende-se que existem vários fatores sobre qual pode levar alguém ao suicídio, incluindo a ausência de significado. No período da adolescência por exemplo, a fase das descobertas, a falta de propósito e pressões dos país, colegas entre eles é muito comum. Isso é um dos motivos em que a taxa de suicídio entre eles é maior do que entre os adultos segundo dados da OMS (Organização Mundial da Saúde). A igreja muitas vezes se torna terapêutica para esses casos. Conheço relatos também de pessoas que foram curadas desse pensamento apenas lendo a Bíblia e descansando no cuidado de Deus.

A série 13 Reasons Why (Por Treze Razões), mostra a vida de uma garota chamada Hannah Baker que se suicidou pelo motivo de bullying e rejeição entre colegas e amigos. Talvez nessa situação, uma convivência saudável com a igreja e clareza do evangelho poderia salvá-la desse mal.

Mas mesmo nesse caso da Hannah, será que esse foi o real motivo do suicídio dela (na série) e de muitos jovens hoje, ou apenas fomentou algo que já havia neles mas não foi devidamente tratado? Teríamos que avaliar cada um. Isso nos alerta que há outros motivos que podem levar alguém a tirar sua própria vida. Entre eles diz respeito a perda seu equilíbrio emocional, traumas, depressão, uso de substâncias químicas (álcool, drogas), histórico de suicídio na família ou fator biológico (desequilíbrio químico).

Assuntos então sobre suicídio e depressão não podem ser tratados apenas como problemas espirituais, egocentrismo ou "frescura", mas como doença que precisa ser devidamente tratada. O psicólogo cristão Dr. Gary Collins comenta em seu livro 'Aconselhamento Cristão' que pessoas com depressão e propensas ao suicídio não podem ser aconselhadas de curarem esse mal apenas com oração e leitura bíblica, isso pode piorar o caso considerando que a mesma não tem estímulos para fazer tais coisas ou a mesma pode ficar frustrada por fazer conforme e não obter resultados esperados.

Outros tem usado o recurso de que tal pessoa não pode suicidar-se porque é pecado. Isso só aumentará a dor e seu senso de inutilidade, fracasso e culpabilidade a alguém que não está em seu perfeito juízo. Seremos duramente irresponsáveis ao fazer isso. Saiba que isso não irá levá-la pra Jesus, mas para um quadro pior que estava. Para falar sobre esse assunto, não podemos levar em consideração apenas artigos teólogos, mas uma abordagem maior com pessoas específicas nesse assunto por também ser um assunto bem complexo. Os pais e as igrejas precisam compreender esse e qualquer outro assunto em sua amplitude para que possam ser mais eficientes e objetivos como mão educadora e curadora para nossa humanidade.

Li recentemente uma frase de Karl Marx sobre o capitalismo. Segundo o mesmo, pela valorização das coisas, pela ideia de que quanto mais comprarmos algo mais felizes e realizado seremos, estamos também comprando a ideologia que o valor de alguém está atrelado ao que ela tem, ou como ele mesmo disse, estamos "coisificando" o homem. Percebemos isso muito mais em nossa realidade atual.

O tempo todo gente comprando um celular modelo novo, mesmo não conhecendo às funcionalidades dele; gente postando foto com roupas de grandes marcas, carro, moto, bebidas caras, festas caras, lugares caros, viagens caras tudo de mais caro e com ele a sua própria cara, tentando mostrar o seu valor combinado ao que tem.

O filósofo Luiz Felipe Pondé um dos maiores pensadores contemporâneos comenta por exemplo que a Internet é grande mercado de visibilidades onde cada um quer vender a si mesmo para público e não revelar quem é.

Ouve um caso na Rússia em que duas pessoas criaram um personagem em uma rede social, e este postava várias fotos em cenários de luxo, lugares exóticos e ostentando riqueza para transparecer que ele era milionário. A experiência teve alcance de milhares de seguidores e visualizações ficando assim famoso na internet. Depois o ator surpreendeu à todos quando se expôs na rede dizendo que era apenas uma pessoa comum e que aquele perfil era falso e não passava de uma experiência.

Não podemos deixar uma ideologia econômica mudar nossa maneira de ser e de se relacionar. De jeito nenhum podemos vender nossos valores e enxergar às pessoas dessa maneira em nossa volta.

Quem não conhece pessoas que se relacionam por causa do interesse financeiro e status. Vivem escravizados em uma relação vazia e aparente somente por causa dos valores monetários da outra.

Finalizando com uma frase de Augusto Cury para realçarmos sobre o lugar em que às coisas devem ter em nossas vidas:
"O dinheiro compra bajuladores, mas não amigos; compra a cama, mas não o sono; compra pacotes turísticos, mas não a alegria; compra todo e qualquer tipo de produto, mas não uma mente livre; compra seguros, mas não o seguro emocional."

Não. O título não está errado. Esse artigo são paras as pessoas que estão cansadas de estar felizes, sem stress, confortáveis, pacientes e educadas e querem se aventurar em um dia ou um bom tempo mal-humoradas.

Durma tarde e acorde cedo.
De modo prático e não tão científico você com certeza acordará com sono. Ter pouca horas de sono deixará seu corpo ainda cansado. Sua mente estará tralhando como normalmente. Haverá perda de concentração e memória. Já temos uma boa bagagem para um dia mal.

Ande com pessoas mal-humoradas.
Não é difícil achar alguém que reclama de tudo, discute com tudo e não está satisfeito com nada. Elas não tem percepção de mudança, são imparciais e leva a vida generalizando tudo. Esse tipo de pessoa tem algumas frases na ponta da língua como: "Bandido bom é bandido morto". Esse tipo pode ser encontrado em qualquer esquina, comercio ou até dentro da sua casa. Na medida que você se relacionar com ela está compartilhando os mesmos assuntos. Está atento a tudo que acontece de errado na sociedade e estará conhecendo mais pessoas que tem as mesmas ideias. Não irá demorar até ser um indignado também.

Culpe tudo, menos você.
Pra fechar o mais importante. Deposite toda a razão de estar de mau humor nas circunstancias e nas pessoas. Se estiver doente, desempregado, sendo pressionado. Se estiver naqueles dias ou se sua mulher tiver naqueles dias. Culpe o transito. Culpe o carro. Culpe seus pais, seus filhos, até mesmo seu dog. O mal humor de como você lida com os problemas. Se você ver os problemas como uma oportunidade pra crescer, pra superar conseguirá ver uma esperança, um rumo, um sentido. O que nos atingi, seja positivo ou negativo, depende da forma e significado que você atribui naquilo.

Concluindo, colocando a culpa em nós vai revelar nossa dificuldade de se alegrar em meio as tribulações e uma vez que não acha a doença, não acha a cura. Portanto, se quer continuar grilado da vida culpe tudo!

Temos uma pratica quase que involuntária de analisar as pessoas a partir de reações. Pequenos detalhes habituais pode demonstrar o que ela sentiu naquele momento ou quem decifrar sua personalidade. Não é dificil ver uma mulher que logo ao uma pessoa dizer: "Essa ai não me engana, conheço esse tipo de gente", não é mesmo?

A forma que tratamos o trabalho, as pessoas, as situações cotidianas pode refletir quem somos, isso é verdade, só que apenas em parte. A verdade é que em grande parte das vezes julgamos as pessoas a partir do que somos! É! A maneira que vivemos vai nos definir um padrão de existência e assim filtrar as pessoas a partir dele. Um erro, repito mais uma vez, quase que involuntário, inconsciente.

Ora, o que fazemos vai depender de uma série de outros fatores que me faz gerar uma pratica. Depende o dia, eu posso ter uma ação totalmente diferente naquela mesma situação. Nos movemos de acordo com o que sentimos, pensamos, impulsionamos, somos pressionados interna ou externamente, ou como somos habituados, treinados e ensinados.

Já parou pra pensar quantos erros cometeu só por estar com raiva ou carente? São sentimentos que neutralizam a logica de lidar com as coisas.

Em suma, não dá pra julgar alguém só a partir do que ela faz. Se você é alguém que quando ama faz 'assim', não pode dizer que o outro não sente o mesmo só porque faz 'assado'. Vocês não são iguais. É aonde muitas vezes não entendemos as pessoas quando falam algo mas fazem outra. Ela não fez outra coisa, só fez diferente de como imaginávamos. Esperamos que as pessoas hajam como nos.

São as particularidades que mostram nosso poder de escolha, a capacidade de sermos humanos pensantes, ativos, livres. O nosso papel é saber lidar com todas diferenças. Ame, se ajunte. Conecte!

Charles Spurgeon diz que "nossa intimidade com Deus nos torna pessoas mais felizes". Isso é uma grande verdade. Quanto nós estamos entorpecidos com tanta coisa, buscando as mais variadas coisas que o mundo pode oferecer, procurando em outros horizontes a verdadeira satisfação na criação que somente encontramos em nosso criador.

Um piedoso sábio seguidor de Jesus, Paulo de Tarso, disse certa vez que Nele (Cristo) estão escondidos todos os tesouros da sabedoria e do conhecimento. Disse também que Ele é antes de todas ás coisas, e nele tudo subsiste; e que tudo se converge nele, tantos as celestiais quantos terrenas.*

No mundo, nosso Pai nos deu infinitas coisas para termos e desfrutarmos, mas elas nunca são um fim nelas mesmo. Na verdade a beleza e a glória deste mundo reflete uma ainda maior, a do próprio Deus.
Que paramos de perder nossos dias e corramos para Aquele que sustenta e completa todas ás coisas, aos quais sem Ele, nada do que existe seria feito e tudo só ganha sentido e entendimento Nele.


* Colossenses 1.17; 2.3; Efésios 1.10

Dia primeiro escrevi um texto para os meus amigos para desejar a todos um feliz ano novo, mas com a correria das festas não consegui publicar. Então, ignorem o total atraso, espero que gostem, e feliz ano novo (ainda é dia 7, posso sim desejar isso hoje)

Dia primeiro de janeiro: Dia mundial das promessas proferidas que não serão cumpridas. Todo mundo sabe disso, todo ano é assim, sempre. As pessoas propõe pra si mesmas mudanças, várias, daquelas bem radicais que farão tudo virar de cabeça pra baixo, porém pra melhor, como se virar de cabeça pra baixo ajudasse a ver o mundo de uma forma mais bonita.

Talvez seja exatamente esse o problema. Acredito que ninguém, mas ninguém mesmo, na face da terra, consegue mudar radicalmente e da noite pro dia. E de repente o mundo todo quer fazer isso do dia 31/12 para o dia 01/01.

Mudança requer tempo, planejamento, força de vontade, foco, e, sobretudo, um pequeno passo de cada vez. É simples quando feito da forma correta. Pra que pressa? Dá pra lembrar o quanto demorou pro ano passado passar? Sim, isso mesmo, 365 longos dias. E fique feliz, esse ano é ano bissexto, serão 366 dias para se fazer tudo o que precisa ser feito.

Mas se posso te dar um conselho sobre as mudanças planejadas pra esse ano, que seja esse: comece sim com um passo de cada vez, mas que os pequenos primeiros passos sejam para dentro de si mesmo. A mudança começa de dentro pra fora!

No mais, acredite em si mesmo, e tenha um ótimo ano novo.

Sara Freire

Ontem (16/12/2015) foi anunciado já a noite que o Whatsapp - aplicativo de bate-papo mais utilizado no mundo - estaria bloqueado em 48 horas a partir da meia noite de quinta. O motivo do bloqueio foi em razão a uma determinação judicial já decidida dia 23 de julho, e outra vez notificada dia 7 de agosto. Não se sabe ao certo em que estão sendo notificados, pois ainda segue em segredo de justiça. Por não ter atendido a nenhum deste, o aplicativo iria ser interrompido por 48 horas. Acabou que voltou em 12 horas.

Desde o notícia as redes sociais só falam sobre isso. No twitter já é o assunto mais falado com a hashtag #Nessas48HorasEuVou. Todos ficaram sem um rumo como se estivessem em uma ilha deserta sem nada e nem o que fazer, desconectado cosmo virtual que nos adaptamos a viver. Zueras a parte, talvez qualquer coisa irá valer a pena já que resumimos a nossas vidas as redes, e perdemos muitos das antigas práticas sadias. O que fazer sem o Whatsapp?

1. LEIA UM LIVRO

Seja uma história, uma cronica, auto-ajuda, liderança, espiritual ou até mesmo um gibi. Ler coloca seu cérebro pra trabalhar, sua imaginação despertar aguçando assim a criatividade, melhora sua leitura e interpretação e ainda lhe ajuda a escrever e a falar melhor.

2. ARRUME SEU QUARTO

Essa prática não se limita apenas ao benefício da higiene. Arrumar o quarto também ajuda a melhorar sua auto-estima. Ver tudo organizado por você mesmo dá a percepção que você está se organizando na vida, se levantou para uma nova atitude. Onde estava sujo, bagunçado e feio agora está limpo, arrumado e bonito. Faça isso também no seu computador. 

3. TENHA UM MOMENTO PROVEITOSO COM SUA FAMÍLIA

É possível estar em um lugar, mas não estar lá. Tem uma pessoal sentado na sua mesa. Deve ser sua família. É muito comum famílias entrarem na rotina do convívio e se comunicarem apenas com o básico. "Acorde", "Almoço tá pronto", "Arrume isso". Não há uma conversa prolongada sobre coisas da vida (a não ser que seja para sermão). Existem casais que estão na sala se comunicando pela internet. Enquanto não dedicarmos tempo para conversar, nunca cresceremos em confiança, transparência e cumplicidade. Isso é base para uma família.

4. VISITE UM AMIGO

Pessoas precisam de pessoas. Cerca de 80% dos problemas psicológicos teve influencias de pessoas. Apenas 20% tem haver com doenças genéticas. Através da facilidade de se comunicar, perdemos o contato físico, próximo, prolongado, consistente. Precisamos de olhar, carne e alma. Procurem também um entretenimento.

5. DURMA

Sabia que o único momento que nosso corpo descansa é na hora de dormir? Ele entra em estado de embernarão, o ritmo diminui. Temos a necessidade fisiológica de dormir pelo menos 8 horas de sono. Menos que isso haverá uma série de problemas como déficit de atenção, cansaço e perda de memória. Se acordamos 6:30hs da manhã, é necessário então dormir 22:30hs. Quem dorme essa hora?

6. TIRE UM MOMENTO PRA SI.

Passamos pelo menos 1/3 das nossas vidas trabalhando, mais 1/3 com algum compromisso ou distração e o outro 1/3 dormindo. Qual está sendo o tempo pra nós mesmos? Um tempo pra refletir, pra pensar, planejar. O que estou fazendo? O que eu fiz foi certo? O que posso melhorar? Estou feliz? Essas são perguntas fáceis com respostas difíceis. Qual o tempo que tempos dedicado pra respondê-las?

_

O ditado "nada se cria, tudo se copia" está ainda mais literal. Pode-se criar até um novo ditado "Nada de avalia, tudo se compartilha". Isso é porque gastamos tempo com coisas fúteis, que não temos paciência. Já é tempo de tratar pessoas não como números, mas como gente.

Eu vi homens querendo ganhar dinheiro
Eu vi o dinheiro ganhando os homens
Eu vi o presente ir embora por preocupar de mais com o futuro
Eu vi a vida morrer por aqueles que tem medo da morte
Eu vi a velha querendo ser moça
Eu vi a maça querendo logo ficar mais velha
Eu vi o menino não querer estudar
Eu vi o homem não querer trabalhar duro porque não terminou os estudos
Eu vi um recém cristão querer ser humilde
Eu vi um pastor querendo ter poder
Eu vi aqueles que gostam de ferir
Eu vi que estes tem mais feridas do que já feriram

Eu vi o sábio ser arrogante
Eu vi o humilde ter sabedoria
Eu vi o rico querendo mais
Eu vi o pobre satisfeito com o que tem
Eu vi a TV mostrar a realidade
Eu vi a realidade querendo ser igual mostra na TV
Eu vi sorrisos e curtição na foto do seu Facebook
Eu vi suas lágrimas que esconde no quarto escuro
Eu vi amigo virar colega
Eu vi colega virar irmão
Eu vi a maioria fazer um padrão
Eu vi que a maioria não está no padrão
Eu vi você ler o post e começar a pensar diferente

Quero ver uma nação que aprende a analisar, questionar e criticar tudo que está em sua volta e não aceitar tudo "guela abaixo". Você quer mudar, então comece a ver diferente.